Menu Principal

Ideias são coisas perigosas

4
John Banville

O escritor irlandês veio ao Brasil para laçar Luz Antiga, o seu mais recente livro, e participar da Flip deste ano.
Aproveitou o evento e falou sobre a relação e o papel das artes com a conjuntura política do momento, no Brasil.

E deixou dois recados:
 
- “Ideias são coisas perigosas”.
- “O exemplo da Revolução Francesa e seu uso do iluminismo deveriam ser um aviso sombrio para nós”.

Nós?
Sim. Nós, o Mundo.

4 comentários:

Olá Beth

Que bom estar aqui novamente.
Tenho andado por aqui revisitando os amigos queridos.

Quanta verdade nesta frase do John Banville, realmente o perigo das ideias é grande, elas podem levar-nos à glória, mas muitas vezes à ruína.

Por saber disto é que as idéias me preocupam tanto.

Uma ideia geralmente não vem coberta de realidade, em geral do que ela se reveste é a persuasão.

Um beijo grande, querida!

E quando você tenta executar a idéia num ideal? #Terror. Abraçs

Oi Van!
De volta. Isso é muito bom.
O autor tem razão: ideias são sempre perigosas, especialmente quando passam a ser de domínio público.
Obrigada,
Bem-vinda!
De novo.
Beijão.

Oi Djoni,
Esse é o problema: Quando não são executadas, são apenas ideias...
Um terror para quem pensou, um alivio para quem barrou. rsrs
Beijão.

WIDGETS QUE ABREM COM A BARRA DO FOOTER

Acompanhe o Feed

Fechar

ou receba as novidades em seu email

Digite seu email:

Entregue por FeedBurner

BARRA DO FOOTER

Blog desenvolvido por

Site Desenvolvido por Agência Charme
Bookmark and Share

Traduzir este Blog

Visitas

Curtir

Assine o Feed

Minimizar