Menu Principal

Magos na arte de sofrer, amar, narrar e encantar

2
Tal pai, tal filho!

Se estivessem vivos na próxima semana, Alexandre Dumas e seu filho, de mesmo nome, completariam respectivamente 211 e 189. O primeiro no dia 24, o segundo no dia 27.

Alexandre Dumas o pai, é um dos autores mais importantes do século 21, e conhecido pelas obras romanceadas como Os Três Mosqueteiros e O Conde de Monte Cristo, ambos de 1844. Assim circulou durante a sua vida adulta, entre teatros e livros.

Pai e filho foram segregados pelos preconceitos da sociedade francesa do século 19. O pai por ser mulato, neto de uma escrava haitiano, enfrentava a discriminação racial da época. Porém, a sua maior vingança foi ter sido reconhecido como um escritor fecundo e bem-sucedido, ainda em vida. 

Já o filho, sofreu por ser herdeiro ilegítimo e chamado de bastardos várias vezes. Depois que foi reconhecido pelo pai, com ele passou a viver, depois de muito sofrimento e vida miserável. Mais tarde retratou essa realidade ao escrever a peça O Filho Natural, em que expôs a teoria de que se alguém engravidasse uma mulher teria a obrigação de legitimar seu filho e com ela casar-se.

Alexandre filho iniciou a carreia publicando poemas em jornais, mas foi o romance autobiográfico – baseado no relacionamento que teve com a prostituta Marie Duplessis, A Dama das Camélias, que o tornou conhecido.

*****
“Há favores tão grandes que só podem ser pagos com a ingratidão”.

“O fardo do casamento é tão pesado que precisa de dois para carregá-lo, às vezes, de três”.
(Alexandre pai)

******
“É mais fácil ser bom para toda gente do que para alguém”.

“Tudo o que pode substituir-se com facilidade pode ser abandonado mais facilmente ainda”.

“Negócios? Muito simples: é o dinheiro dos outros.” 
(Alexandre filho)


Athos, Porthos e Aramis atravessam o mundo e os mares....

E as Camélias do nosso século, continuam em busca do amor e da felicidade.

2 comentários:

Nossa,quanto preconceito. Além de mulato, ainda neto de escravo...
Coitados!
Abs.
Eloy

WIDGETS QUE ABREM COM A BARRA DO FOOTER

Acompanhe o Feed

Fechar

ou receba as novidades em seu email

Digite seu email:

Entregue por FeedBurner

BARRA DO FOOTER

Blog desenvolvido por

Site Desenvolvido por Agência Charme
Bookmark and Share

Traduzir este Blog

Visitas

Curtir

Assine o Feed

Minimizar