Menu Principal

O Museu da Humanidade

2
O Rio de Janeiro ganhou mais um museu oficial.

Reconhecido pelo Instituto Brasileiro de Museus (Ibram), é o Museu da Humanidade, do Instituto de Pesquisa e Arqueologia do Rio de Janeiro (Ipharj).

Criado em 2002, o espaço fica no bairro de Anchieta – importante via de passagem, na zona norte da cidade. O museu tem 2,4 mil metros quadrados e funciona às sextas-feiras e aos domingos, das 10h às 17h.  O prédio do museu reproduz com exatidão o estilo islâmico da dinastia mameluca (1.250DC e 1.517DC), no Oriente Médio. O idealizador do projeto explica que é o prédio é complexo e incomum, por recriar o estilo específico da idade média.

Com abordagem eclética, as exposições incluem coleções de cerâmica, tecelagem, lamparinas e documentos escritos com exemplares de vários períodos históricos. “Como um museu da humanidade, temos a preocupação de mostrar o desenvolvimento dessas artes passando por diversas culturas do mundo, desde a formação do planeta até o século 19”, explica o arqueólogo.

Dentre as relíquias pertencentes ao acervo, Mello ressalta anotações da esposa do pintor germânico renascentista Lucas Cranach (1473-1553), descobertas em capas de livros do período. “Naquela época, como não tinham muito papel disponível, pois era um produto caro, quando faziam as capas de livros aproveitavam as cartas de correspondência que viravam lixo e colavam uma na outra com cola de farinha até virar papel grosso”, diz o arqueólogo. “Estudiosos conseguiram descobrir essas cartas retirando essa cola de farinha”.

*****
Dica para quem não é do Rio e deseja visitar o museu: No centro da cidade, pegue um trem na Central do Brasil - ramal Deodoro, e desça na Estação Anchieta (foto).

Fonte primária: Agência Brasil

2 comentários:

Gostei do modo que a esposa de Lucas escrevia, já que como citado o papel era caro na época.
Fico me imaginando em uma época dessa. Não tinha notebook para escrever, então eu precisaria que papel. Teria que ser muito rico para isso.

Sobre o Museu, gosto de quando coisas assim acontecem, pois é mais uma maneira de levar cultura para as pessoas.

Márcio Vinícius Delgado - Responsável Geral do Grupo Librorum

WIDGETS QUE ABREM COM A BARRA DO FOOTER

Acompanhe o Feed

Fechar

ou receba as novidades em seu email

Digite seu email:

Entregue por FeedBurner

BARRA DO FOOTER

Blog desenvolvido por

Site Desenvolvido por Agência Charme
Bookmark and Share

Traduzir este Blog

Visitas

Curtir

Assine o Feed

Minimizar