Menu Principal

Afora o teu amor...

1
Poeta russo. Um dos principais representantes da vanguarda futurista do início do século XX.

*****
Maiakovski, o político.

Na primeira noite, eles se aproximam e colhem uma flor de nosso jardim.
E não dizemos nada.

Na segunda noite, já não se escondem, pisam as flores, matam nosso cão.
E não dizemos nada.

Até que um dia, o mais frágil deles, entra sozinho em nossa casa, rouba-nos a lua e, conhecendo nosso medo, arranca-nos a voz da garganta.

E porque não dissemos nada, já não podemos dizer nada.

*****

Maiakovski, o romântico.

Afora o teu amor,
para mim não há mar
E a dor do teu amor nem a lágrima alivia.

Afora o teu amor,
para mim não há sol
E eu não sei onde estás e com quem...

Afora o teu olhar,
Nenhuma lâmina me atrai com seu brilho.

1 Comentário:

Olá, Bom Dia!
Uma reflexão bastante pertinente diante da nossa realidade! Um abraço!
http://www.luceliamuniz.blogspot.com.br/

WIDGETS QUE ABREM COM A BARRA DO FOOTER

Acompanhe o Feed

Fechar

ou receba as novidades em seu email

Digite seu email:

Entregue por FeedBurner

BARRA DO FOOTER

Blog desenvolvido por

Site Desenvolvido por Agência Charme
Bookmark and Share

Traduzir este Blog

Visitas

Curtir

Assine o Feed

Minimizar