Menu Principal

Na boa: sem puritanismo, hipocrisia e fundamentalismo religioso

1
Há coisas nos países asiáticos e islâmicos que deveríamos copiar.

Por exemplo: punir severamente quem trafica droga e outros crimes hediondos.

*****

“Estamos chocados” com a notícia que o brasileiro Marco Archer Cardoso Moreira -  53 anos -, vai ser executado na Indonésia, por tráfico de drogas.

Talvez o choque se dê pelo fato de que por aqui traficar drogas tenha se tornado algo banal, como banais são as penas impostas aos traficantes e usuários. Sim, porque só há traficante onde há consumidor. Pois, os das comunidades traficam para obter dinheiro fácil, enquanto os da classe média e os riquinhos usam para curtir um barato. 

Normal... Deve ter pensado o réu quando se aventurou no surf do tráfico fora do país... O fato é que coisas devem ser observadas quando se viaja para outros países: o respeito às leis, à religião e os costumes milenares e históricos.

O brasileiro foi condenado à morte em 2004, depois de ter sido apanhado com 13,4 quilos de cocaína ao tentar entrar na Indonésia. A droga estava escondida no interior de uma asa delta. Segundo informações do governo da Indonésia, ele vai enfrentar um pelotão de fuzilamento.

Antes das eleições de 2014, quase meia tonelada de pasta de cocaína foi descoberta no helicóptero dos Perrelas (MG). Donde se pode concluir que por aqui, isto não é nada...

*****

Na Indonésia há penas duras para tráfico de drogas, e não é à toa. Por desconhecimento ou pela certeza da impunidade tão comum por essas bandas, o brasileiro não se atentou para a história das Guerras do Ópio, ambas no século 19, que constituiu talvez, o capítulo mais vergonhoso do imperialismo britânico, época em que a Inglaterra era devedora dos chineses. Naquela época, a Inglaterra importava três produtos chineses em grande quantidade: seda, chá e porcelana. Os ingleses tinham assim um brutal déficit comercial com a China.

A Inglaterra, que vivia o “bum” da Revolução Industrial entendeu que poderia vender aos chineses uma série de quinquilharias - assim como fez no Brasil imperial e colonial. Mandaram então um navio inglês para a China com o objetivo de equilibrar a balança comercial dos dois países. 

Mas os chineses nem Tchum!

Sem sucesso, a Coroa Inglaterra - berço da civilização -, começou a contrabandear para a China o ópio que produzia na sua colônia mais populosa: a Índia. Foi um terrível pesadelo para a sociedade chinesa. A imagem acima retrata bem o consumo de ópio na China. O governo chinês impôs leis duras para o contrabando de ópio. Antes, porém, o imperador mandou uma carta à Rainha Vitória na qual ponderava que era injusto o que a Inglaterra fazia. 

E a Rainha nem Tcham! E... continuou traficando...

Veio a Segunda Guerra do Ópio, na qual a Inglaterra praticamente destruiu a China. Tomou territórios como Hong Kong e, nomeou para comandar a alfândega chinesa um inglês. 

Apesar de devastada a China, devastada, tenha conseguido se reconstruir e ser o que é hoje. Há quem atribua esse milagre à cultura e o alto conteúdo de sabedoria, por meio dos ensinamentos de Confúcio, que até hoje domina a China. 

Assim, países ao redor da China, como a Indonésia, foram duramente afetados pelas Guerras do Ópio. A Indonésia, no sudeste Asiático, era um dos portos de passagem para os navios ingleses abarrotados de ópio. E os nativos sofreram as consequências e passaram a consumir em larga escala o ópio. E mesmo com o fim das guerras o trauma social permanece na região.

Na China, o tráfico de drogas é reprimido com penas severas. Na Indonésia, elas são ainda mais duras. 

É dentro desse quadro que o que o império britânico promoveu na Ásia no século XIX, que o brasileiro apanhado com cocaína e outros cinco condenados cumprirão as suas penas, ao serem  fuzilados.

E neste caso, não haverá o famoso trem o  "Expresso da Meia Noite".

1 Comentário:

Mas a maior verdade mesmo é que todos sem exceção devem estudar um pouco a historia, costumes e geografia do país que vai visitar.
Mesmo quem não vai traficar, aos que simplesmente vão só visitar. rsrs

WIDGETS QUE ABREM COM A BARRA DO FOOTER

Acompanhe o Feed

Fechar

ou receba as novidades em seu email

Digite seu email:

Entregue por FeedBurner

BARRA DO FOOTER

Blog desenvolvido por

Site Desenvolvido por Agência Charme
Bookmark and Share

Traduzir este Blog

Visitas

Curtir

Assine o Feed

Minimizar