Menu Principal

O problema da falta de respeito está justamente com os adultos, diz Kayllane

0
As crianças são menos preconceituosas que os adultos, diz diz jovem vítima de intolerância religiosa.

Entrevistamos Kayllane Coelho, de 12 anos, que foi agredida com uma pedrada por fundamentalistas pelo fato de estar vestida com as roupas do Candomblé.

Apesar de abrigar uma diversidade de religiões, o Brasil ainda precisa caminhar muito para garantir o respeito à liberdade de culto. E o problema da falta de respeito está justamente com os adultos. 

Aos 12 anos, Kayllane Coelho Campos se tornou um símbolo de luta contra a intolerância religiosa. Em junho deste ano, ela foi agredida com uma pedrada por fundamentalistas religiosos pelo simples fato de estar vestida com as roupas do Candomblé, sua religião. Transformou a dor em luta por respeito.

Passados quase quatro meses desde a agressão, Kayllane recebeu o Brasil de Fato na Casa Inzo Rial Lemba Tumba Jussara, casa de Oxalá, Jesus Cristo. O terreiro é comandado por sua avó, a Mãe Katia de Lufan, e fica na Vila da Penha, zona norte do Rio. De sorriso fácil, Kayllane adora andar de skate, gosta de geografia, quer ser marinheira e não perde uma oportunidade de brincar com seus colegas. Sobre o preconceito às religiões, ela é direta: “As crianças são menos preconceituosas que os adultos”.

Na escola, ela convive tranquilamente com seus colegas e diz ser sempre bem acolhida. “Eu tenho vários amigos católicos, evangélicos, budistas. É bem maneiro porque a gente conhece outras religiões. Teve um dia que fui pra escola de quelé [pano na cabeça] e eles me trataram super bem. Falaram que não têm preconceito com minha religião”, conta a jovem de 12 anos. Para ela, o respeito é fundamental. “Eu acho que cada um tem sua religião. Se uma pessoa chegar na minha frente com um véu - em referência à religião islã, eu não vou discriminar essa pessoa por causa disso”, diz Kayllane.

Kayllane foi uma das homenageadas no mês passado durante a entrega de troféus do Rio Sem Preconceito, que foi promovido pela Prefeitura do Rio e premiou personalidades que lutam por uma sociedade mais justa. Também em setembro a jovem viajou com sua avó para o estado do Piauí para um encontro com a presidenta Dilma Rousseff. 

Na conversa, Kayllane cobrou da mandatária ações concretas no combate à intolerância religiosa.

*****
Uma visão popular do Brasil e do Mundo

Deixe um Comentário

WIDGETS QUE ABREM COM A BARRA DO FOOTER

Acompanhe o Feed

Fechar

ou receba as novidades em seu email

Digite seu email:

Entregue por FeedBurner

BARRA DO FOOTER

Blog desenvolvido por

Site Desenvolvido por Agência Charme
Bookmark and Share

Traduzir este Blog

Visitas

Curtir

Assine o Feed

Minimizar