Menu Principal

É um tipinho universal

0
Muita gente acha que é só no Brasil que tem certas coisas e certos tipos de gente muito ruins. E certamente algumas pessoas podem torcer o nariz e comentar que puxa-saquismo é coisa do Brasil. Não é. Existe desde Antiguidade.

Basta dizer que usam expressões equivalentes a puxa-saco em muitos idiomas, quase todos (aí acho que escapam os falados por nossos índios, por exemplo). Nos Estados Unidos, pátria-mãe de quem só vê defeitos no Brasil e maravilhas na Gringolândia, há muitas expressões para falar deles. Cito algumas: bagpiper (o significado literal é tocador de gaita de fole – não sei porque deram o sentido de puxa-saco a essa expressão); ass kisser (beijador de burro), apple polisher (polidor de maçã), suck-ass ou asslicher (lambedor de fiofó), bootlicker (lambe-botas) e yes-man. Esta última foi adotada pelo idioma turco e adaptadas pelo japonês – iesuman – e pelo esperanto – jes-man.

Vejamos em algumas outras línguas. Em francês, é béni-oui-oui; em espanhol, lamebotas (não vale para o catalão, em que puxa-saco é pelotillero, e para o basco – bai-man); em alemão é jazager. Em holandês é jaborer; em sueco, já-sägare; em italiano, persona accondiscendente (não aproveitaram o puxa-saco em latim: assentator, que significa sicofanta); e tem até no samoano: ioe-tagata.

Agora, em idiomas com alfabetos diferentes, ou até sem alfabeto (chinês), os sinônimos de puxa-saco adaptados para o nosso alfabeto: em búlgaro, bezkharakteren chovek; em russo é podpevala; em grego é anexetástos symfonón; em iídiche é yo-mentsh; em árabe, al’limeat min yugarr ‘aw yuayd; e em chinês é yingshëngchóng.

Algumas frase e ditados sobre o tema:

- Friedrich Nietzsche: “O cristianismo deve sua vitória a essa desprezível adulação da vaidade pessoal. Conseguiu convencer exatamente todos os fracassados, os simpatizantes da insurreição, os malsucedidos, todo o lixo e a escória da sociedade”.

- Churchill: “Um bajulador é aquele que alimenta um crocodilo e espera comê-lo no final”.

- Napoleão Bonaparte: “Quem sabe adular também é capaz de caluniar”.

- Maquiavel: “Não há outro meio de guardar-se da adulação, a não ser fazendo com que os homens entendam que não te ofendem dizendo a verdade; mas quando todos podem te dizer a verdade, passam a faltar-te com a reverência”.

- Provérbio hindu: “As línguas dos bajuladores são mais macias do que seda na nossa presença, mas são como punhais na nossa ausência”.

- Barack Obama: “Livre-se dos bajuladores. Mantenha perto de você pessoas que te avisem quando você erra”.

- Mouzar Benedito: “Puxa-saco não precisa de carnaval: joga confetes o ano inteiro”.

Deixe um Comentário

WIDGETS QUE ABREM COM A BARRA DO FOOTER

Acompanhe o Feed

Fechar

ou receba as novidades em seu email

Digite seu email:

Entregue por FeedBurner

BARRA DO FOOTER

Blog desenvolvido por

Site Desenvolvido por Agência Charme
Bookmark and Share

Traduzir este Blog

Visitas

Curtir

Assine o Feed

Minimizar