Menu Principal

Como uma escolha pode levar ao caos e destruir esperanças

1
O Fórum Social Mundial Temático (RS) continua discutindo situação de Pinheirinho (São José dos Campos) e a postura do governo do PSDB/DEM.  
É bom lembrar que este não é o primeiro mandato dos tucanos em São Paulo.

Só Geraldo Alckmin governa São Paulo pela 3ª vez.
E em pouco mais de um ano consegue se sobressair não por adotar políticas extensivas e intensivas de proteção social, mas pela intensa repressão exercida por meio do aparato do Estado, onde o método utilizado não é o do diálogo, mas repressão policial e uso do cassetete para resolver problemas de desigualdades sociais.

Primeiro foi na USP. Depois na Cracolândia e agora no Pinheirinho.
E olha que nem nos faz bem relembrar Canrandirú...

Neste episódio em que Alckmin impõe a marca policial que se sobressai em seu governo - e nos dos seus antecessores, chegou à  área do Pinheirinho e parece não ter fim.
No primeiro dia o saldo da truculenta operação de reintegração de posse à Naji Nahas - um dos principais personagens citados no livro A Privataria Tucana, deixou a via Dutra - uma das principais rodovias do país, fechada por longo tempo.  Além disso, foram oito veículos queimados, dezenas de pessoas detidas e oito manifestantes (um PM e um quarda-civil) feridos.

Ontem, dia do aniversário da cidade, mais incidentes ocorreram em pleno centro da cidade, obrigando o prefeito Gilberto Kassabi a sair pela porta dos fundos da igreja onde era celebrada a misão em comemoração ao aniversário de Sampa.

Após o incidente, descaradamente deu uma entrevista à imprensa e falou que é preciso haver dialogo...

Lamento que no dia em que todos deveriam comemorar a existência e a importância de São Paulo para o Brasil e o mundo, as consequências do Estado policial da administração tucana tenham coupado as manchetes dos principais jornais no cenário mundial.

Mais triste ainda, é  ter que constatar que o episódio do Pinheirinho não se constitui nenhuma novidade, mas uma a reafirmação da linha repressiva do governo Alckmin que, por sua vez, segue a mesma linha adotada pelo governo de José Serra  (entre 2007-2010).

Apesar de tudo, deixo aqui os meus parabéns à cidade e ao povo honesto e trabalhador de São Paulo.
Ainda há uma saída: Demolir de uma vez por todas o Turcanistão paulista.

Tenham a certeza de que "Alguma coisa ainda acontece em meu coração..."
Um abraço.

(Para o meu amigo José Sidney Pereira, o da Vitrolinha do Zé)

Foto: Fa Bia:http://mcliks.blogspot.com/

1 Comentário:

É amiga. Por estas terras, o conservadorismo sempre triunfou. É histórico. O massacre de imigrantes, o quase ritmo escravo dos trabalhadores. Não é praia para o livre pensamento. Mas... e quem disse que a gente liga para o que eles pensam? rs Somos pior que Maria Sem-Vergonha.

As eleições, por aqui, estão cada vez mais apertadas. Uma hora, bau bau Tucanistão e o tratamento VIP que eles dispensam para a Gente Diferenciada (vulgo, Pobre). Não economizam no gás pimenta nem no cassetete rs.

Beijos Beth. E bela homenagem (e puxão de orelha) a São Paulo. Não podemos ser só isso mesmo.

WIDGETS QUE ABREM COM A BARRA DO FOOTER

Acompanhe o Feed

Fechar

ou receba as novidades em seu email

Digite seu email:

Entregue por FeedBurner

BARRA DO FOOTER

Blog desenvolvido por

Site Desenvolvido por Agência Charme
Bookmark and Share

Traduzir este Blog

Visitas

Curtir

Assine o Feed

Minimizar