Menu Principal

Vamos ao cinema?

4
Mas, afinal, quanto custa mesmo ir ao cinema?
Eu nunca me havia feito esta pergunta. Mas neste final de semana resolvi fazer uma continha. Vejamos: bilhete = 18, 00, pipoca = 6, 00, refrigerante = 4, 50, passagens de ônibus = 4,50. Total: R$ 33,00.
Obviamente esses preços variam conforme a rede de cinema, a localidade, a cidade e a região. Mas, ir ao cinema não é um lazer barato se levarmos em conta que quase sempre vamos acompanhados de alguém, especialmente nos finais de semana.
Para estimular a construção de cerca de 600 novas salas de cinema nos próximos quatros anos, especialmente nas pequenas cidades das regiões Norte e Nordeste, o presidente Lula Silva assinou uma medida provisória que cria o Programa Cinema Perto de Você.
O programa prevê o financiamento de R$ 500 milhões, sendo que R$ 300 milhões sairão do Fundo Setorial do Audiovisual (FSA) e o restante do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico Social (BNDES). Também está prevista a desoneração de carga tributária para aquisição de equipamentos e material de construção.
Para Lula o país precisa traçar um mapa das razões que fizeram, segundo ele, a população perder o interesse pelo cinema. Lula quer que as novas salas que serão construídas ofereçam à população outras formas de entretenimento além do cinema.
O programa Cinema Perto de Você foi criado para tentar reverter o baixo percentual de salas de cinemas nas zonas habitadas pelas populações mais pobres. Segundo dados do Ministério da Cultura, o país tem atualmente uma sala para cada 83 mil habitantes.
O lançamento do programa ocorreu na cidade de Luziânia, localizada a cerca de 60 quilômetros de Brasília, divisa do DF com Goiás. Segundo Lula, a cidade representa o foco do programa, que são as pequenas cidades do interior do país.
Com o programa o governo espera possibilitar um maior frequência da população de baixa renda aos cinemas, perto da cidade ou região em que moram, e com baixo custo. Uma vez que os valores dos ingressos deverão acompanhar o perfil socioeconômico de cada população.
Então, assim, a continha que fiz poderá ter resultados bem diferentes nas vidas das pessoas abrangidas, e por causa disso, uma nova tela poderá ser aberta diante dos seus olhos.
A tela da cultura, que nunca é demais.
Afinal, todos devem ter os mesmos direitos.

4 comentários:

Bem, a questão é simples ... para que os preços de uma ida ao cinema estejam em patamares mais aceitáveis uma das primeitas coisas a se fazer é acabar com a hipocrisia da meia entrada.

Beth,

Uma importante notícia.

A cultura deve ser incentiva, e o cinema ainda é um dos eventos mais baratos que existem, mesmo assim, ainda é caro para muitos, portanto, esse investimento vai valer a pena.

Adorei!

Bjs.

Rosana.

Oi minha querida Beth!
Eu adoro cinema! Sou fã e trabalhei muitos anos em uma grande distribuidora de filmes e salas de cinema. Infelizmente hoje não acho mais acessível e aí a sua brilhante matéria nos prova isso. Eu quando faço essas contas aqui em casa, acabo desistindo, pois somos em 3 adultos e 3 crianças...se eu considerar que ao sair com a turma não paramos apenas no cinema, o programa que antes era prazeroso, acaba saindo caro demais e quase sendo um artigo de luxo. Lembro que quando morava em SP, gostava muito de ir ao teatro. Um dia, nas minhas contas, já não valia mais a pena também e deixei de ir...Agora, o cinema...e os dvds são caros tb...Enfim, amiga, depois ainda tentam questionar a pirataria mas não fazem nada que viabilize esse tipo de programa...complicado!
Grande beijo, queridíssima!
Jackie

Olá!
Obrigada pela visita ao meu blog.
Infelizmente a realidade é essa, o preço de um ingresso é absurdo e todos tem direito a cultura. Pelo preço ser tão alto a pirataria só aumenta, as pessoas baixam filmes ou compram no camelô.
Espero que esse projeto dê certo.

WIDGETS QUE ABREM COM A BARRA DO FOOTER

Acompanhe o Feed

Fechar

ou receba as novidades em seu email

Digite seu email:

Entregue por FeedBurner

BARRA DO FOOTER

Blog desenvolvido por

Site Desenvolvido por Agência Charme
Bookmark and Share

Traduzir este Blog

Visitas

Curtir

Assine o Feed

Minimizar