Menu Principal

Sem palavras escritas ou ditas

3
Apenas músicas, e em bom Tom.

A estreia será dia 20 deste mês em cinemas de todo o país.
A Música Segundo Tom Jobim é o documetário que mostra a trajetória do compositor brasileiro, autor de obra mundialmente reconhecida como uma das mais importantes da música popular do século 20. 
Concebido com base na música do “maestro soberano”, com imagens em movimento e fotográficas – não há uma palavra sequer no filme - o documentário tem na direção um dos mais importantes cineastas brasileiros, Nelson Pereira dos Santos, em parceria com a neta de Tom, Dora Jobim.


A decisão de trabalhar unicamente com o acervo de fotos e filmes da família do compositor e os arquivos obtidos pelo pesquisador Antonio Venâncio foi do diretor de Vidas Secas e Memórias do Cárcere, entre mais de 20 filmes premiados. “Vi que em cada imagem havia outra história, e mais outra. Era uma história dentro da outra, contando tudo por meio da música”, disse o cineasta, ao explicar que o material podia, por si só, mostrar a trajetória de Antônio Carlos Jobim (1927-1994).

Com experiência na área dos DVDs musicais, Dora Jobim, que divide a direção com Nélson, foi responsável pelo levantamento extenso do acervo fotográfico e de imagens da viúva de Tom, Ana Jobim. O resultado é uma sucessão de imagens do próprio compositor e de cantores brasileiros e estrangeiros, em interpretações de clássicos do repertório jobiniano.

São mais de 40 nomes interpretando as canções de Jobim ao longo dos 90 minutos do documentário. Entre os brasileiros estão Elizeth Cardoso, Maysa, Elis Regina, Nara Leão,Gal Costa, Nana Caymmi, Miúcha, Adriana Calcanhoto, Agostinho dos Santos, Vinicius de Morais, Chico Buarque, Gilberto Gil, Caetano Veloso, Milton Nascimento, Paulinho da Viola e Carlinhos Brown.
A relação de intérpretes internacionais inclui nomes como Frank Sinatra, Judy Garland, Ella Fitzgerald, Sarah Vaughan, Errol Garner, Henri Salvador e as contemporâneas Diana Krall e Jane Monheit.

Produção da Regina Filmes, o documentário tem roteiro assinado pelo próprio Nelson Pereira dos Santos, juntamente com a cantora Miúcha. A direção musical ficou a cargo do filho de Tom, o também músico Paulo Jobim.
Fonte: Agência Brasil

3 comentários:

Olá um grande abraço e parabéns por esta postagem, pois sem sombra de duvidas podemos dizer que não se faz mais músicas como antigamente, salvo algumas exceções, este documentário com certeza é uma programação memorável.

O Jornal Nacional fez uma reportagem grande sobre o documentário, vale a pena procurar o video no portal da Globo.
Nessa reportagem, Nelson Pereira dos Santos, disse assim: Eu acho que vamos lembrar do Tom como um Deus. Se fôssemos gregos, na época de ouro da antiguidade clássica, ele seria considerado um Deus.
Não é exagero! Tom Jobim é mais que perfeito!
Boa semana! Beijus,

Querida amiga Beth.
Mais que uma homenagem ao nosso grande Maestro e Compositor.
Tom Jobim è a mais rica referência da Música Popular Brasileira!
Realmente trata-se de um documentário imperdível!
Beijos

WIDGETS QUE ABREM COM A BARRA DO FOOTER

Acompanhe o Feed

Fechar

ou receba as novidades em seu email

Digite seu email:

Entregue por FeedBurner

BARRA DO FOOTER

Blog desenvolvido por

Site Desenvolvido por Agência Charme
Bookmark and Share

Traduzir este Blog

Visitas

Curtir

Assine o Feed

Minimizar