Menu Principal

Queremos "Nada além da Constituição, sejam sujos ou não!"

4
Foram quase 300 participantes - ativistas digitais de todo o país, que estiveram presentes no III Encontro Nacional de Blogueiros, realizado entre os dias 25 e 27 de maio em Salvador, na Bahia. Tinha alas e alegorias em todas as categorias, consolidando o mais importante movimento digital do Brasil, iniciado em agosto de 2010.

Surgido como uma reação natural aos monopólios de mídia, cujo modelo é exclusivamente voltado à defesa do grande capital, e aos interesses privados e privativos de grupos, em detrimento das aspirações populares, o movimento nacional dos Blogueiros e Blogueiras Progressistas desdobrou-se em inúmeros encontros municipais, regionais e estaduais. Também foram realizados três encontros nacionais (São Paulo, Brasília e Salvador) e um internacional, realizado, em outubro de 2011, na cidade de Foz do Iguaçu, no Paraná.

Para tornar ainda mais nítida e avançada a discussão sobre a democratização da comunicação no Brasil, o III BlogProg decidiu concentrar-se, daqui em diante, em duas questões fundamentais.

-A primeira: a luta por um novo marco regulatório das comunicações assentado em uma Lei de Mídia capaz de estabelecer formalmente a questão da comunicação como um direito humano essencial. Para isto, o III BlogProg estabeleceu uma interação direta com a campanha do Fórum Nacional pela Democratização da Comunicação (FNDC). Campanha esta que visa pressionar o governo federal, de modo a desencadear de imediato o debate sobre este tema estratégico para toda a sociedade brasileira.

-A segunda: a batalha decisiva é reforçar a defesa da ação da blogosfera e das redes sociais, diante do constante ataque de setores conservadores capitaneado, estimulados e financiados pela velha mídia, cujo exemplo mais recente é o ataque que o ministro do STF, Gilmar Mendes vem fazendo, sistematicamente,  ao que ele chama de Blogues Sujos, por não se submeterem à sua ânsia insaciável de  receber sempre elogios. Crítica não vale.

Trata-se de um movimento articulado, inclusive, no Congresso Nacional, com o objetivo de cercear a livre circulação de ideias pela internet, criminalizar o ativismo digital, judicializar a censura, e evitar o financiamento destes, por parte de empresas públicas.
Financiar velhos esquemas midiáticos pode.
Os blogues, não!

Ao final do Encontro, foi definido como estratégia de atução, o respeito à Constituição do Brasil, com o slogan intitulado “nada além da Constituição”, defendida pelo jornalista Franklin Martins.

"Tudo o que nos queremos está lá: Não queremos nada que fira a Constituição.

Não queremos monopólio: A Constituição proíbe o monopólio.

Não queremos que político – que tenha “foro privilegiado” -  tenha monopólio: A Constituição proíbe isso.

Queremos conteúdo local, regional: A Constituição também quer.

Não gostamos de vender horário, já que tevê é uma concessão: A Constituição proíbe.

Lutamos pelo direito de resposta: A Constituição exige o direito de resposta.

Portanto, nada além da Constituição!"

4 comentários:

Oi Atena,
Não, não está.
Acabei de liberar outros comentários.
Teste! rsrsrs
Beijão.

Só gostaria que os chamados "blogueiros progressistas" fossem mais independentes e se posicionassem de forma coerente em todas as ocasiões. Como por exemplo, criticar Gilmar Mendes mas também questionar sobre o que Lula fazia numa reunião dessas.

Grande abraço
Almir Ferreira
Rama na Vimana

Olá Almir,
Concordo com você. Não cabe explicação.
Entretanto, isso não é motivo para coibir o livre exercício da expressão de pensamento. Afinal, que não sabe conviver com o regime democrático, dele também não deve se favorecer. Um abraço. Obrigada pelo comentário.

WIDGETS QUE ABREM COM A BARRA DO FOOTER

Acompanhe o Feed

Fechar

ou receba as novidades em seu email

Digite seu email:

Entregue por FeedBurner

BARRA DO FOOTER

Blog desenvolvido por

Site Desenvolvido por Agência Charme
Bookmark and Share

Traduzir este Blog

Visitas

Curtir

Assine o Feed

Minimizar