Menu Principal

Igaraçu, a primeira UBS Fluvial

3
Chegará pelas águas e conectada via satélite.

A partir de agora as populações ribeirinhas do Amazonas passarão a contar com uma Unidade Básica de Saúde Fluvial (UBSF), que atenderá mais de 12 mil pessoas em 230 comunidades. 

A UBSF Igaraçu é a primeira a ser construída com recursos federais e terá o reforço de uma equipe de Saúde da Família. Na embarcação serão atendidas as populações ribeirinhas que vivem às margens dos rios Madeira, Madeirinha, Autaz-Açu, Canumã, Abacaxis e Sucunduri. 

Igaraçu, que significa “Canoa Grande” na língua tupi, prestará assistência na Atenção Básica às comunidades com dificuldade de acesso aos serviços de saúde.

Iniciado em 2011, o Programa de Construção de Unidades Básicas de Saúde Fluviais, recebeu um investimento de mais de R$ 1,2 milhão e já atende mais de 15 mil pessoas de 72 comunidades ribeirinhas nas margens do rio Tapajós. As próximas unidades serão Portel (PA), Gurupá (PA) e Cruzeiro do Sul (AC).

Os barcos, com 24 metros quadrados contam com consultórios clínicos e odontológicos, e também possui farmácia, laboratório e salas de vacinas, curativo, coleta de material e esterilização.

A equipe que vai realizar o atendimento é formada por médico, enfermeiro, técnico de enfermagem e de laboratório, dentista e auxiliar ou técnico de saúde bucal, além dos agentes comunitários de saúde que residem e desempenham suas atividades nas comunidades ribeirinhas.

As embarcações também prestam assistência de qualidade às mulheres com ações de planejamento familiar, prevenção e controle dos cânceres de mama e de colo do útero, atendimento às gestantes e às crianças - principalmente até dois anos de idade - além do cuidado aos usuários com doenças crônicas, como hipertensão e diabetes, dentre outras ações.

3 comentários:

pois é, algo tão essencial e a gente lê:"a partir de agora..." mas antes tarde que mais tarde, né??

beijo

(entro aqui e tenho q ouvir o
Milton...obrigada!)

Oi querida Margoh.
Pois é…
A expressão “ a partir de agora” , no meu entendimento significa dizer que em mais de 500 anos de República, até 2010, nenhum governo havia se preocupado com essas populações, em várias áreas.
E tudo começou aqui: http://blogdabethmuniz.blogspot.com.br/2010/06/navegar-e-preciso.html
Que bom que ouves o Milton! Adoro...
Obrigada por vir e comentar tão delicadamente.
Beijão.

Projetos como este merecem o elogio de todos. Somando-se esforços leva-se a educação e saúde aos quatro cantos deste nosso Brasil.

Abraços.

José Carlos

WIDGETS QUE ABREM COM A BARRA DO FOOTER

Acompanhe o Feed

Fechar

ou receba as novidades em seu email

Digite seu email:

Entregue por FeedBurner

BARRA DO FOOTER

Blog desenvolvido por

Site Desenvolvido por Agência Charme
Bookmark and Share

Traduzir este Blog

Visitas

Curtir

Assine o Feed

Minimizar