Menu Principal

Todo intolerante é um inseguro. Ser tolerante não significa ser bobo

13
A Arte da Tolerância

Tolerância é a capacidade de aceitar o diferente. Não confundir com o divergente. 

Intolerância é não suportar a pluralidade de opiniões e posições, crenças e idéias, como se a verdade fizesse morada em mim e todos devessem buscar a luz sob o meu teto. 

Conta a parábola que um pregador reuniu milhares de chineses para pregar-lhes a verdade. Ao final do sermão, em vez de aplausos houve um grande silêncio. 

Até que uma voz se levantou ao fundo: "O que o senhor disse não é a verdade". O pregador indignou-se: "Como não é verdade? Eu anunciei o que foi revelado pelos céus!". 

O objetante retrucou: "Existem três verdades. A do senhor, a minha e a verdade verdadeira. Nós dois, juntos, devemos buscar a verdade verdadeira". 

Só os intolerantes se julgam donos da verdade. Assim ocorreu com Milosevic, ao manter-se intransigente e não admitir os direitos dos kosovares, e com Clinton, ao decidir que seus mísseis seriam o melhor argumento para convencer o mundo de que a Casa Branca tem sempre razão. 

Todo intolerante é um inseguro. Por isso, aferra-se a seus caprichos como um náufrago à tábua que o mantém à tona. 

Ele não é capaz de ver o outro como outro. A seus olhos, o outro é um concorrente, um inimigo ou, como diz um personagem de Sartre, "o inferno". Ou um potencial discípulo que deve acatar docilmente suas opiniões. 

O tolerante evita colonizar a consciência alheia. Admite que, da verdade, ele apreende apenas alguns fragmentos, e que ela só pode ser alcançada por esforço comunitário. Reconhece no outro a alteridade radical, singular, que jamais deve ser negada. 

Ser tolerante não significa ser bobo. Tolerância não é sinônimo de tolice. 

O tolerante não desata tempestade em copo d’água, não troca o atacado pelo varejo, não gasta saliva com quem não vale um cuspe. 

Ele jamais cede quando se trata de defender a justiça, a dignidade e a honra, bem como o direito de cada um ter seus princípios e agir conforme sua consciência, desde que isso não resulte em opressão ou exclusão, humilhação ou morte. 

Das intolerâncias, a mais repugnante é a religiosa, pois divide o que Deus uniu.

Quem somos nós para, em nome de Deus, decretar se esses são os eleitos e, aqueles, os condenados? 

Só o amor torna um coração verdadeiramente tolerante. Porque quem ama não contabiliza ações e reações do ser amado e faz da sua vida, um gesto de doação. 
*****

Frei Betto

13 comentários:

Que lindo Beth!
Adorei o post muito interessante , tenha um ótimo FDS querida!
Beijos
Bruh*

Beth,

Este seu texto é excelente!

"Ele não é capaz de ver o outro como outro." - eu sei o que significa isso.

Eu sou bastante tolerante, sou para não me aborrecer, prefiro a diplomacia e parto do princípio que nem tudo que eu penso é certo.

Beijos

Olá Beth,

com um texto desses todo fim de semana fica bom, tão perfeitas as definições de Frei Betto para tolerância e intolerância que eu não me atrevo a acrescentar mais nada, só compartilhar com meus amigos para convidá-los à tolerância.

Um beijo e um ótimo final de semana para você

Ei Beth,

Que pérola de texto,

Acredito que a tolerância é uma virtude que poucos a tem, pois exige de nós humildade, paciência e aceitação ao querer e pensar do próximo. Os intolerantes não se permitem errar , e por muitas vezes se sentem vazios por coisa alguma.

Beijos

É isto ai, querida! E se soubesse cuidar de si melhor, se não tivesse preso em suas demências, poderia e seria mais feliz.

Que delícia poder ser, viver e vivenciar plenamente o que é, né? Que bacana poder sentir o vento no rosto, deitar a cabeça no travesseiro e dormir com toda tranquilidade do mundo sabendo que é dono sim, mas de si mesmo! Mas, o mundo é assim mesmo. Então, tá!

Bjs!

Muito verdadeiro texto.
O amor é mesmo muito poderoso. Quem consegue amar de verdade acaba sendo moldado pelo amor!

Abraços.

Muito verdadeiro texto.
O amor é mesmo muito poderoso. Quem consegue amar de verdade acaba sendo moldado pelo amor!

Abraços.

Oi amiga
engraçado nunca tinha analisado por essa ótica: Todo intolerante é inseguro.
Num é que sua reflexão faz sentido?
Bjos e obrigada por mais essa perola.

Oi amiga
engraçado nunca tinha analisado por essa ótica: Todo intolerante é inseguro.
Num é que sua reflexão faz sentido?
Bjos e obrigada por mais essa perola.

Frei Beto... Tai um sujeito admirável. Como Martin Luther King, Gandhi, Madre Tereza. Nossa, tanta gente boa que dá uma saudade danada.

Bom, mas vamos ao post. O Intolerante é mais do que inseguro. É perverso e sabe que vive a perversão. Se recobre de hipocrisia, se traveste de Verdade Absoluta e parte para a tentativa de destruição de tudo que lhe é diferente. Porque a Diversidade, a diferença, lhe desmascara e o põe nu e perverso a frente de seus próprios olhos.

Tá difícil hoje em dia, Beth. Apesar do meu otimismo de sempre, confesso que nunca vi um Brasil tão hipócrita e covarde. E olha que a culpa não é dos militares nem dos políticos. Alias, até é. Transformaram nossas escolas em fábricas de ignorantes. Produzimo-os em série agora. Sabem ler, mas não sabem compreender. Sabem pregar mas não ousam viver. Falam de amor e fogem dele a qualquer custo.

Enfim, saudades do Ulisses Guimarães, quando dizia que a virtude maior em um homem era a Coragem. Por nada, mas apenas que sem ela, nenhuma outra poderia ser exercida. E hoje? Gritam aos quatro ventos que a maior virtude é a servidão e subserviência.

Bom, vamos em frente. Quem sabe, durante a travessia não viramos esse jogo.

Beijos

Olá Beth, como a Sissym eu também parto do princípio que nem tudo que eu penso é certo, isto é, nem tudo que eu acredito ser verdade absoluta, é mesmo. As verdades são relativas. A ideia sobre religiões foi linda, Frei Beto acertou na mosca e você acertou ao escolher esse texto para nos mostrar. Bjs. Telma

Esta é a nossa batalha de cada dia. Desenvolver a tolerância, para que possamos ter uma boa qualidade de vida. Discutir com o intolerante é perda de tempo porque ele já abocanhou a verdade pra si, já colocou sobre os ombros o peso do mundo e agora só ele sabe de todas as coisas. Mais vale ser um aparentemente bobo mas que no fundo sabe pisar em terra firme guindo os passos para o caminho do certo. Dialogar com um intolerante dono da verdade? tô fora!

Ótimo texto, sou intolerante ao extremo e quero mudar, pois isso tem me feito muito mal.
Também afasta pessoas do meu convívio, mas como é difícil mudar. Estou tentando praticar a boca fechada a maior parte do tempo para minimizar os estragos que minhas críticas fazem.
Vou procurar diminuir os noticiários e as redes sociais, pois percebo que esses dois me inflamam sobre vários assuntos.
Vou tentar ficar mais ausente de todo tipo de noticiário e focar mais a minha qualidade de saúde, pois posso morrer a qualquer momento e já era....

WIDGETS QUE ABREM COM A BARRA DO FOOTER

Acompanhe o Feed

Fechar

ou receba as novidades em seu email

Digite seu email:

Entregue por FeedBurner

BARRA DO FOOTER

Blog desenvolvido por

Site Desenvolvido por Agência Charme
Bookmark and Share

Traduzir este Blog

Visitas

Curtir

Assine o Feed

Minimizar