Menu Principal

Tenho fome de me tornar tudo que não sou.

0
Assim falava e pensava Waly Salomão,

Nas composições,
Na arte,
Na vida.

E lá se vão 12 anos que o filho de pai sírio, nascido em Jequié (BA), que foi por muitos considerado um poeta marginal, se foi.

Compôs com e para nomes como Caetano Veloso, Jards Macalé, Gal, Bethânia, Adriana Calcanhoto e Cassia Eller. Era um apaixonado pela arte brasileira.

Foi secretário do livro e leitura na gestão de Gilberto Gil no Ministério da Cultura, no governo Lula. 

Costumava dizer: "Tenho fome de me tornar tudo que não sou".

Sua criação musical mais conhecida talvez seja a canção "Mel"gravada por Maria Bethânia.


Deixe um Comentário

WIDGETS QUE ABREM COM A BARRA DO FOOTER

Acompanhe o Feed

Fechar

ou receba as novidades em seu email

Digite seu email:

Entregue por FeedBurner

BARRA DO FOOTER

Blog desenvolvido por

Site Desenvolvido por Agência Charme
Bookmark and Share

Traduzir este Blog

Visitas

Curtir

Assine o Feed

Minimizar